Skip to main content
LEWIS

Por

Michael Hay

Publicado em

June 13, 2016

Tags

Realidade Virtual

A realidade virtual é mais do que uma plataforma de jogos, um brinquedo ou uma palavra da moda. É uma mudança radical nos media, que criamos e consumimos.

Mas como todas as novas tecnologias, a realidade virtual tem muito jargão associado, cujo os novos utilizadores consideram desanimador. Na nossa última infografia, The Beginner’s Guide to VR (Virtual Reality), nós demos uma olhadela aos diferentes termos da realidade virtual, que agora conseguem ser aplicados.

A Realidade Virtual resumida

“A realidade virtual” abrange uma vasta gama de ideias e de termos.

A infografia da LEWIS, The Beginner’s Guide to VR, explica os três principais tipos de Realidade Virtual, e mostra a diferença entre um vídeo 360º, realidade aumentada e a verdadeira realidade virtual.

Os principais tipos de realidade virtual têm várias aplicações do mundo real e também usam diversas tecnologias. A nossa nova infografia representa um vídeo a 360, realidade aumentada e virtual, para que consiga ver as diferenças à primeira vista.

Quer mais? Comparamos os três tipos de Realidade Virtual em detalhe noutro post recente do blog.

Glossário sobre Realidade Virtual

Alguma vez se questionou sobre o FOV (Field of View) no seu HMU (Hit me up)? O seu ODT contribui para o arrasto da imagem? Como é que a sua taxa de atualização afeta as suas sensações de toque?

Já está confuso? Não por muito tempo. O nosso glossário da realidade virtual explica os termos mais comuns, para que consiga discutir tecnologia como um profissional.

Alguns termos, como “heads-up”, “display” ou “field of view” podem ser familiares, enquanto outros descrevem novos problemas, como o Simulator Sickness. Um enjoo que afeta algumas pessoas durante a experiência da Realidade Virtual, o Simulator Sickness é causado pelo conflito entre o que os olhos vêm e o que o corpo sente. (Não se preocupe – nem todas as pessoas experienciam este enjoo, e as atualizações tecnológicas significam que isso não vai ser um problema durante muito tempo!)

Uma comparação de equipamentos de Realidade Virtual

Existem mais equipamentos para realidade virtual do que apenas Oculus Rift (equipamento de realidade virtual para jogos eletrónicos). Nós colocamos diferentes HMUs (que são unidades de dispositivo de vídeo) no mercado atual, do altamente-acessível Google Cardboard, para o envolvente HTC Vive (óculos de realidade virtual). Adicionalmente, demos uma olhadela a mais dois equipamentos que estão em constante desenvolvimento.

Veja a infografia abaixo sobre todas as informações sobre Realidade Virtual que precisa saber, em frases pequenas. Ou, clique aqui para abrir uma nova janela.

Quer saber como conseguir impulsionar a Realidade Virtual da sua marca? Entre em contacto com a equipa da LEWIS.

Microsoft HoloLens

Tem havido um grande interesse no Microsoft HoloLens desde a sua primeira demonstração feita há uns meses atrás. Até à data, apenas está disponível para os programadores. O HoloLens funciona como dispositivo industrial/educacional/gaming em vez de uma tecnologia prática da qual as pessoas saiam de casa cansadas. Pode oferecer coisas como informação de displaying útil, notas e diagramas em 3D para as pessoas que estão a arranjar um carro ou executam uma operação médica, por exemplo. Adiciona uma camada de informação para melhorar uma experiência num dado contexto, sem ter de olhar para um ecrã.

Magic Leap

O rumor em Silicon Valley neste momento, é sobre uma empresa chamada Magic Leap, que tem estado ocupada a trabalhar num dispositivo durante vários anos e apenas mostra o seu verdadeiro ADN aos potenciais investidores. Estas pessoas aproveitaram a hipótese de investirem e a empresa já vale 5$ mil milhões antes de lançarem qualquer produto.

Existem rumores que é um dispositivo leve e portátil que projeta diretamente na sua retina, dando-lhe uma alta resolução de imagem sem atraso. Imagine um auditório cheio de estudantes a experimentarem a mesma animação virtual de um animal a andar dentro de um anfiteatro ao mesmo tempo. Eles têm sido muito reservados, mas eu estou ansioso para ouvir mais sobre este dispositivo este ano.

Ainda estamos numa fase inicial, em que os produtos são lançados e os preços descem lentamente. A Realidade Virtual e a Argumentação Virtual não se vão retirar até serem acessíveis para todas as pessoas, a baixo custo e simples de usar, mas estamos bem no caminho até lá.

Contacte-nos