Skip to main content
LEWIS

Por

LEWIS

Publicado em

July 3, 2015

Tags

Não há dúvida que os clientes de hoje têm muito mais controlo sobre o processo de compra do que os marketers. Graças à proliferação dos canais disponíveis, os clientes têm mais escolhas do que nunca quando se trata da forma como querem receber informação.


Não há dúvida que os clientes de hoje têm muito mais controlo sobre o processo de compra do que os marketers. Graças à proliferação dos canais disponíveis, os clientes têm mais escolhas do que nunca quando se trata da forma como querem receber informação. E à medida que o número de canais continua a aumentar, a necessidade de adotar o marketing multicanal vai tornar-se não só uma boa ideia, mas também algo crítico. A LEWIS PR desenvolveu recentemente um estudo com mais de 370 profissionais seniores de marketing – gestores de marketing, diretores e CMOs – de toda a região EMEA, APAC e Estados Unidos. O objetivo do estudo foi construir uma imagem das abordagens atuais para o marketing multicanal; os canais principais; os níveis de adoção e investimento; principais desafios; e por fim, abordagens à medição de campanhas multicanal. Aqui ficam algumas conclusões retiradas:

1. As taxas de adoção são boas, mas as campanhas têm falta de investimento

O estudo revelou que o marketing multicanal começa a ser praticado amplamente, onde quase um terço dos respondentes executaram sete ou mais campanhas multicanal no último ano. Um terço dos marketers tiveram também resultados e um ROI bem sucedidos nas suas campanhas, o que demonstra que o marketing multicanal está a causar impacto. Agora que os marketers estão a começar a ver o valor e o impacto do marketing multicanal, as marcas começam a pendar em aumentar o seu investimento nos próximos 12 meses para maximizar o seu ROI multicanal. No entanto, este investimento traduz-se primeiro na aquisição de ferramentas, recursos e formação para permitir aos marketers maximizar as suas campanhas multicanal.

2. A medição precisa de evoluir

A partir do estudo, percebe-se claramente que a medição eficaz não é feita de forma suficientemente ampla, em todas as regiões. Os marketers precisam de investir tempo e recursos suficientes na medição das campanhas multicanal para demonstrar o ROI, construindo assim casos de sucesso fortes que justificam novos investimentos. Definir métricas de sucesso e objetivos chave de uma campanha deve ser um elemento essencial de uma estratégia sólida de medição. Assim como acompanhar os resultados em tempo real de forma a obter dados que possam ser utilizados de imediato e otimizar a atividade durante o ciclo da campanha, alcançando assim um ROI melhor.

3. Trabalhar em conjunto é o único caminho para o sucesso

 O estudo revelou outra barreira significativa para o sucesso dos marketers: a estrutura das equipas de marketing e comunicação das organizações. Menos de metade dos marketers estão confiantes que a estrutura da sua equipa facilita, eficazmente, a gestão de campanhas integradas. Quebrar os silos existentes entre as equipas de marketing e comunicação é absolutamente essencial quando as marcas executam campanhas verdadeiramente integradas. Deve existir coesão e colaboração entre as equipas para garantir que a mensagem da campanha é entregue consistentemente em todos os canais. Descubra mais com a nossa infografia e leia todas as conclusões no nosso estudo.

 

Contacte-nos